Como escolher o seu surfskate

Saber escolher o seu surfskate corretamente é quase tão importante quanto escolher a sua prancha de surf, por isso vamos explicar neste artigo da melhor maneira possível como fazer a escolha certa.

O surfskate tornou-se uma das ferramentas de treino mais importantes, senão a mais, para poder continuar a melhorar o seu surf fora da água ou simplesmente para se divertir quando não há ondas.

Existem muitos modelos e funções diferentes, dependendo do tamanho da prancha, das rodas e mais importante ainda, do tipo de trucks usado, aquí vamos explicar todos os tipos..

1. DE ACORDO COM O USO QUE VOCÊ VAI DAR:

Dependendo da finalidade que você planeja dar, recomendaremos alguns modelos ou outro.

Se é um daqueles que prefere melhorar o seu surf, com os seus movimentos e viragens, recomendamos o uso de um modelo de surfskate com trucks de mola. Pois são modelos que simulam perfeitamente a técnica a ser aplicada na água. Eles podem ser modelos como YOW, Caver C7, Flying Wheels … etc.

Ou se, por outro lado, o que você procura é se divertir com o skate, ir ao skatepark, surfar no bowl ou está apenas começando, talvez seja melhor um modelo com trucks sem mola , como modelos como Carver Cx, Long Island, Quiksilver… etc.

Isso não quer dizer que você não pode pegar velocidade girando se a prancha não tem um truck sem mola ou que você não pode entrar no bowl com um modelo com mola no truck. Ambos os modelos são perfeitamente adaptáveis ​​ao que você vai fazer.

O comprimento entre os trucks também diferenciará se você quiser um tipo de movimento ou outro.

Se preferir um carving mais fechado, deve-se escolher um sufskate menor, com menor distância entre trucks. E se ao invés disso você quiser ganhar velocidade com um giros mais amplos, você pode usar um modelo com um pouco mais de distância entre os trucks.

Nesta imagem você pode ver como uns trucks com maior distância produz uns giros mais abertos do que os trucks com menor distância entre eles, que os giros serão mais fechados e nervosos.

2. TIPOS DE TRUCK:

No surfskate existem dois tipos de trucks, como comentamos no ponto anterior. Tem o truck com mola interna e o mais tradicional o truck sem mola.

– Truck com mola:

Este tipo de truck com mola possui um espaço com uma mola interna que faz com que o skate simule com muita fidelidade os movimentos e sensações do surf. Tem uns giros muito suaves e o ângulo de viragem é mais estreito. Além de poder regular sua dureza para ter uma maior relação de giro. Soltarmos a mola e a bucha ou apertarmos para ter maior estabilidade.

Por serem trucks mais macios e com maior giro para “surf” tendem a ser mais instáveis ​​por isso recomendamos para pessoas que já têm uma certa noção de surf ou skateboard. Podem ser modelos como YOW, Caver C7, Slide, Flying Wheels … etc.

– Truck sem mola:

O Surfskate de truck sem mola interna é mais tradicional já que ao pegar velocidade com o giro é mais próximo ao de um skate normal, embora com a bucha que ele carrega, você continuará tendo a sensação de surfar ao fazer os giros.

Este modelo continua sendo completamente um Surfskate com o qual podera fazer o carving e avançar ao pegar velocidade com o giro, sem a necessidade de dar a “remada com o pé” do skate habitual.

Por não possuir mola, tem a vantagem de ser o mais estável, o que o torna ideal para momentos de bowl, skate park ou movimentação pela cidade. Também tornando este modelo ideal para começar suas aventuras no mundo do Surfskate. Esses modelos podem ser Carver Cx, Long Island, Quiksilver …

3. TIPOS DE PRANCHAS:

Como você viu, existem muitas variações no “shape” das pranchas de surfskate. Eles variam em comprimento e largura, tail, ​​tipo de tail, ​​etc.

– Uma prancha longa se traduz em um surfskate muito estável e normalmente com uma maior distância entre trucks, tornando-se uma opção ideal para quem tem um nível mais baixo ou ideal para pessoas mais altas e pesadas. E por outro lado, uma prancha curta significa que é mais nervosa com um carving mais fechado e instável, perfeita para pessoas com um determinado nível ou com menos altura e peso.

Um modelo de prancha “curta” pode ser considerado de 26 ” a 30″ aproximadamente e pranchas grandes e estáveis ​​de 32 ” a 35″ -36 “. Também vai influenciar o gosto de cada um.

– A largura da prancha determina a superfície de apoio que você tem para o pé, o que torna a prancha mais segura e estavel na banda de rodagem.

– Dependendo do tail, ​​existem muitos modelos, tantos como tails de pranchas de surf, mas é verdade que isso não implica em nada no uso do Surfskate. Só o facto de ter o tail mais pronunciado ou menos para ter uma melhor aderência atrás.

 

4. RODAS E ROLAMENTOS:

As rodas de um Surfskate são tão importantes quanto a escolha da prancha, já que poder ter um ou outro estilo de skate vai depender disso.

Eles podem ser diferenciados em tamanho, dureza e forma.

– As rodas mais comunes em um Surfskate são grandes entre 65-75mm de diâmetro, como o Carver Roundhouse 70mm ou o Slide 65mm. São os que melhor se adaptam aos diferentes tipos de superfícies ásperas e imperfeitas que surfaremos na rua, além de serem mais versáteis para o que necessitamos.

As rodas menores que recomendamos para um surfskate são para pisos mais lisos e perfeitos como um bowl ou skatepark.

– Aqueles que são normalmente usados ​​para surfskate, ao contrário do skateboarding tradicional, geralmente são macios. Uma roda macia se adapta melhor a qualquer tipo de superfície áspera e imperfeita como rua de asfalto. Este tipo de roda ajuda o surfskate a ter um surf com melhor carving e giros. Uma roda macia pode ter cerca de 78A aproximadamente.

Uma roda dura como uma menor, sempre vai ser mais bem utilizada em superfícies lisas, como bowls e skateparks. Além disso, as rodas rígidas ajudam a ter uma boa derrapagem.

– O formato da roda difere basicamente na borda, podendo ser retas ou chanfradas.

Uma roda de borda reta oferece maior aderência e resistência ao asfalto, sendo também a mais estável. E geralmente são os melhores se você quiser viajar pela cidade de um lugar para outro.

As rodas chanfradas têm um corte arredondado que ajuda a ter um maior ângulo de viragem e acima de tudo é o modelo perfeito para quem procura uma boa derrapagem.

Temos as rodas de borda arredondada, são as menores e mais resistentes,  projetadas para o skatepark ou para skate tradicional e até mesmo para crianças.

– Finalmente podemos ver os diferentes rolamentos que seriam ABEC3, ABEC5, ABEC7 e ABEC9.

Geralmente é usado para surfskate abec7 ou abec9, pois são os que têm melhor rotação e velocidade.

De tudo que acabamos de te explicar, você deve ter em mente que nem tudo é preto ou branco. Vai sempre depender do gosto de cada pessoa, do nível e no final como você se sentir mais confortável no skate.

Você pode descobrir tudo isso experimentando todos os modelos disponíveis que você tem ao seu alcance.

Se este artigo foi claro para você, agora você pode entrar na seção surfskates escolha a sua e vá para a rua rasgar!

 

Productos que podríam te interesar:

Avaliação: 5.0. A partir de 2 votos.
Please wait...
Compártelo en:Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *